NR 33

Não entre pelos canos com a NR 33!

Sabemos como um espaço confinado pode ser perigoso ao trabalhador. Para isso, contando com um sistema efetivo desde o planejamento à entrega técnica, o serviço da Ambra na Norma Regulamentadora 33 – Segurança E Saúde Nos Trabalhos Em Espaços Confinados – deixa de ser um pesadelo para a sua empresa. Na análise Ambra, todos os equipamentos que compõe um espaço confinado são vistoriados por profissionais competentes e periciados no assunto.

OBJETIVO DA NORMA

O objetivo desta norma é implementar a gestão em segurança e saúde no
trabalho em espaços confinados, com medidas técnicas de prevenção,
administrativas, pessoais e de emergência e salvamento, de forma a garantir permanentemente ambientes com condições adequadas de trabalho.
O desafio é levantar TODOS os possíveis riscos visando a garantir a saúde e integridade física e mental dos colaboradores.
Ao contratar nosso serviço, você irá receber a seriedade desde o princípio:
nossa equipe técnico-administrativa é extremamente competente e preparada para entender suas demandas e resolver estes problemas. Agendamos algumas visitas para realizar a vistoria nos espaços confinados. Após adequação, realizamos capacitações para os colaboradores que necessitaram de entrada nos ECs.

O QUE É UM ESPAÇO CONFINADO?

Espaço confinado é qualquer área ou local não projetado para ocupação humana de forma contínua, o qual tenha meios limitados de entrada e saída e ventilação insuficiente para remover contaminantes, bem como onde possa existir deficiência ou enriquecimento de oxigênio.

Podemos citar como exemplos as tubulações, os tanques, as galerias para canalização de água, silos de armazenagem, caldeiras, fornos, misturadores, reatores, secadores, recipientes de tingimentos, entre outros.

NR-33 traz um conjunto de regras específicas sobre atividades realizadas em espaços confinados. Logo, empresas cujas operações sejam realizadas nessas características precisam seguir à risca todas as regras contidas nesta norma.
Ela norma classifica como espaço confinado qualquer ambiente ou área que não foram projetados para ocupação humana contínua, que apresente meios limitados de acesso ou saída, que possua ventilação deficiente ou dificuldades quanto à liberação de oxigênio.

ANÁLISE E TAGUEAMENTO

No momento em que chegamos na sua empresa já possuiremos um check list minucioso de todas as análises que deveram ser executadas, para em seguida elaborar um plano de ação de acordo com sua necessidade, pois trata-se de um trabalho com muitos diferenciais tornando-se exclusivo e completo, para atender 100% a sua empresa.

O processo de inventario é crucial para desenvolvermos uma linha de trabalho extremamente organizada. Realizamos desde a identificação o equipamento, reunião de  todas as informações, medições e localização na planta fabril, o que nos torna o diferencial do mercado.

 

Fique por dentro dos pontos que avaliamos na coleta (variação para diferenciais tipos de equipamentos):

  • Avaliação e análise (estrutural, condições de operação e afins) do espaço confinado (E.C), estado de conservação, localização, área, travamento e setor. Todos detalhes fotografados;
  • Coleta do dimensional das bocas de visitas (B.Vs) e ou bocas de inspeções (B.Is). Assim verificado e analisado seu enquadramento na norma;
  • Desenvolvimento das fichas técnicas dos espaços confinados em nosso escritório;
  • Identificação e avaliação os riscos específicos de cada espaço confinado, sendo estes: físicos, químicos, biológicos, ergonômicos e mecânicos para as diferentes intervenções que possam acontecer;
  • Verificação dos EPCs, EPIs e equipamentos de resgate necessários para cada intervenção nos equipamentos, juntamente com as medidas de controle para eliminar e controlar os riscos;
  • Identificação de todos os E.Cs da área fabril em planta baixa;
  • Tageamento todos os equipamentos por meio de etiquetas de numeração (TAGs) desenvolvidas junto com a área técnica do cliente (caso necessário);

ADEQUAÇÃO

A adequação do espaço confinado contempla inicialmente a instalação de sinalização adequada conforme a NR (em alumínio ou PVC), já contendo suas devidas numerações (TAGs) para facilitar a localização. Sua fixação pode ser complementada com molduras em aço, para facilitar a limpeza das placas.

Também deve ser realizada a capacitação de todos os trabalhadores envolvidos, direta ou indiretamente com os espaços confinados, sobre seus direitos, deveres, riscos e medidas de controle, implementando os procedimentos de trabalho e fichas técnicas de entrada em ECs.

Realizamos a instalação de ponto de ancoragem para entrada nos ECs abrangendo mais de um nível (andar), também contendo uma placa de identificação em alumínio informando a utilização do ponto de ancoragem somente para resgate de pessoas.

Mediante a todas as avaliações e adequações executadas, o equipamento se encontra apto à entrada de colaboradores/ trabalhadores devidamente capacitados e habilitados.

ENTREGA TÉCNICA

A entrega técnica do trabalho executado se compõe das fichas técnicas de cada espaço confinado, inventário e localização em planta baixa. Estes documentos estarão disponíveis para consulta pelos colaboradores antes de executar qualquer tipo de intervenção no E.C.
Possuímos uma política de sustentabilidade que visa o cuidado com o meio ambiente e sua preservação e por isso evitamos ao máximo a produção desnecessária de resíduos.
Deste modo, a entrega técnica é totalmente feita por meio digital. Imprimimos apenas o estritamente necessário. 
Enxergamos a inovação como uma forma diferente de agir também perante o nosso ambiente. O futuro é digital. 
Atendemos com agilidade e precisão pois sabemos que tempo é dinheiro.
A metodologia Ambra foi desenvolvida para garantir um trabalho com todos os cuidados e efetividade desde o princípio, a fim de minimizar ao máximo os riscos de trabalho em espaços confinados de sua empresa.

Localização

R. Clemente Simião, 194 – Vila Juliana, Piraquara.

Contato

(41) 3033 0100
comercial@ambraeng.com